Algo Mais
Deixando Deus fazer a diferença

Mais cedo ou mais tarde, à medida que vamos amadurecendo como pessoas, começamos a nos fazer perguntas cruciais sobre o significado da vida. Quem sou? Por que estou aqui? De onde vim? Para onde estou indo? 

Ao procurarmos respostas a essas perguntas, muitas vezes nos voltamos para dentro de nós, mas nossas próprias limitações mostram que a resposta ali encontrada é, no mínimo, incompleta. E também insatisfatória. , deixando-nos com mais perguntas do que respostas.

Mas é a própria limitação como seres humanos que nos impele a erguer os olhos para o alto, em busca de ALGO MAIS que satisfaça a sede dos nossos corações por uma vida melhor, abundante e rica de amor e realização. E quando erguemos os olhos, contemplamos Deus, o início e o fim de todas as coisas. Como parte de Seu plano eterno, nossas vidas adquirem sentido. Cada detalhe delas serve ao propósito específico de restaurar em nós a imagem perdida do Deus que nos criou. Aquilo que Ele intentou, realizará.

Quando nossa identidade é firmada na Rocha eterna, gozamos a verdadeira liberdade de ser quem fomos feitas para ser.

Neste livro, você será levada a examinar as questões mais cruciais da vida à luz da revelação da Palavra de Deus, descobrindo que a vida abundante com que sempre sonhou é “antes uma questão de entrega do que de conquista” (Mark Carpenter).

Deus tem um plano maravilhoso para a sua vida. Você não está aqui por acaso, não é como é por acaso e seus dias não estão correndo ao sabor do acaso. Há uma mão divina e sábia dirigindo cada um de seus passos. Sua única tarefa é cooperar com esse direcionamento e colher os frutos ricos e abundantes que esperam por você.

Sumário dos Capítulos:

Parte I – NO PRINCÍPIO, DEUS

Capítulo 1 – Você crê em Deus?

Capítulo 2 – Em que Deus você crê?

Capítulo 3 – Deus, em pessoa

PARTE II – E EU, QUEM SOU?

Capítulo 4 – Quem vejo quando olho no espelho

Capítulo 5 – Quem realmente sou

Capítulo 6 – Restaurando minha verdadeira identidade

PARTE III – PODER SOBRENATURAL

Capítulo 7 – Curando as feridas do coração

Capítulo 8 – O poder libertador do perdão

Capítulo 9 – Quebrando antigos hábitos

Capítulo 10 – Identificando o inimigo

PARTE IV – LIVRE PARA SER QUEM DEUS ME FEZ PARA SER

Capítulo 11 – Essencialmente feminine

Capítulo 12 – Vulneravelmente amorosa

Capítulo 13 – Autenticamente bela

Capítulo 14 – Tranquilamente confiante

CONCLUSÃO – NO REINO DE MEU PAI

Excerto do livro, tirado das páginas 102-103

Que feridas são essas?

Já vimos antes as necessidades básicas de amor e valorização com as quais todos nós nascemos por termos sido feitos à imagem e semelhança de Deus. Deus é amor e nós precisamos de amor para sobreviver. Deus tem um propósito para a nossa vida, e nós precisamos sentir que nossa vida tem um propósito. Ele é o Criador, o originador de tudo, e por isso tem para dar. Nós somos criaturas, precisamos das coisas que ele tem para dar.

Por isso, há no coração de cada pessoa duas perguntas cruciais. Da resposta que recebermos a elas depende a maneira como nos veremos como pessoas. São elas: Sou amada como sou, por mim mesma? Minha existência tem uma razão de ser, tenho valor por ser quem sou?

Começamos a fazer essas perguntas às pessoas que nos cercam na mais tenra infância. As respostas que obtivemos determinam a imagem que fazemos de nós mesmos. Se fomos amadas e valorizadas, sentimos que ambas as perguntas foram respondidas na afirmativa. Mas como qualquer “não” vem apenas confirmar o medo que existe dentro de nós de nunca sermos amadas ou de sermos importantes por nós mesmas, é quase impossível passarmos pela infância incólumes. Alguém, de alguma forma, por mais amoroso e sábio que seja, vai nos passar uma mensagem negativa. A mãe ocupada que não pára para dar atenção ao filho no momento em que ele a reclama, o irmão mais velho que nos escorraça de suas brincadeiras, o pai distraído com o jornal que nos pede que deixemos de amolar com nossas criancices, e a lista se estende ad infinitum.

Se uma negativa dessas vem num ambiente normalmente amoroso e compreensivo, seu impacto é apenas momentâneo. Mas devido à necessidade urgente de nossos corações por amor e valorização, mesmo as negativas de menor impacto acabam influenciando a maneira como passamos a nos ver.

Por isso, coisas que nos ferem e limitam em nossa vida adulta muitas vezes refletem feridas mal curadas causadas por mágoas que sofremos no passado. Delas brotam as raízes de nossas estratégias de sobrevivência, que nos controlam e determinam nossas reações a eventos de hoje.

Você talvez se lembre de algo que a marcou profundamente, algo tão doloroso que a levou a prometer a si mesma: “Nunca mais isso vai acontecer comigo.”


Este livro está esgotado.

Algo Mais
Wanda Assumpção
Cód: 10420 - 272 págs.